Notícias

Em recuperação, Dener se diz ansioso para voltar "talvez até melhor" em 2017

05/03/2017

Longe dos gramados desde maio, quando lesionou o joelho e teve que operar, Dener está cada vez mais perto de voltar. A data ainda é incerta, mas, segundo o jogador, está bem próxima de ocorrer e a pré-temporada está garantida ao lado dos companheiros.

Antes mesmo da reapresentação, enquanto muitos jogadores da equipe alvinegra aproveitaram as férias, o jovem volante seguiu o trabalho para acelerar a recuperação. Em entrevista ao repórter Janniter De Cordes, da CBN/Diário, o jogador falou sobre a lesão, a fase de recuperação e as lições aprendidas em um 2016 de tormenta em sua vida profissional.

- De tudo temos que tirar o lado bom. Foi um momento que amadureci, fiquei mais experiente e tiro isso de proveito da lesão. Espero que 2017 seja abençoado, que eu possa jogar, conquistar meu espaço, porque vai ser uma briga dura pelo espaço e isso quem ganha é o Figueirense.  

Porém, Dener não está 100% ainda apto. Para não perder mais tempo por conta de lesões, o volante está ciente que não pode antecipar o seu retorno por conta da ansiedade. Segundo ele, ainda não há uma data definida para voltar a atuar. 

- Totalmente recuperado não posso dizer, porque preciso fazer avaliações físicas, ver meu nível de massa muscular. Tive outras complicações, tive uma tendinite terrível, então isso está me incomodando muito (...) Ainda é cedo para falar, apesar de treinar forte, sinto ainda falta de força na perna direita, porque perdi muita massa muscular e tem um desequilíbrio. Precisamos fazer as avaliações para saber a hora de liberar. Questão de pouco tempo, logo logo estou de volta - completou.  

Depois de um 2016 praticamente todo dedicado a tratamentos e recuperação, Dener está seguro que a próxima temporada será de conquistas. Aprendendo com os erros e as porradas da vida, o volante quer aproveitar o período para evoluir como profissional. 

- De forma alguma estou muito confiante, as férias todas passei trabalhando firme e forte. Acho que nada vai me atrapalhar, posso demorar um pouco no início para pegar confiança, é normal, mas aos poucos vou voltando a ser o Dener de antigamente. Talvez até melhor que antes.