Notícias

Gabriel cita gosto especial para jogo com o JEC: Cresce com rivalidade

20/09/2016

Desde as categorias de base, os jogadores do Avaí sabem da rivalidade histórica do clube com o Figueirense. Mas os duelos com Joinville, Criciúma e Chapecoense, todos participantes do Campeonato Brasileiro, também são muito disputados. A vontade de ganhar é ainda maior do que se os adversários fossem gaúchos, paulistas, baianos, ou cariocas, por exemplo.

Na noite da próxima sexta-feira, Gabriel, zagueiro do Avaí, verá esse sentimento de rivalidade aflorado mais uma vez. É que o Leão da Ilha vai enfrentar o JEC, em partida válida pela 27ª rodada da Segundona. E além dos três pontos que estarão em jogo, o defensor sabe que há outros fatores envolvidos. Por isso, reforçou a necessidade de vencer os rivais do Norte do estado e seguir a boa fase na competição nacional - o time não perde há seis partidas.

- Para quem cresce no clube, como é meu caso, todos os jogos contra os times daqui do estado são partidas diferentes. Você cresce com uma rivalidade que vai aumentando a cada jogo contra estes rivais, então obviamente que é uma partida com um gosto especial - afirmou.

Se o Leão quiser seguir com a campanha positiva e colado no G-4, o grupo dos quatro melhores, terá que passar pelo Joinville. Gabriel sabe que o desafio não será fácil, mas quer o triunfo para manter a torcida feliz, sorrindo de orelha a orelha e sonhando com acesso à Série A.

- A torcida merece esta boa fase que estamos vivendo. Mesmo nos momentos mais irregulares que tivemos no campeonato, ela estava lá. Agora, nada mais justo do que agradecer aos torcedores pelo apoio que tivemos e dedicar esta boa fase a eles.

Joinville e Avaí entram em campo na noite da próxima sexta-feira, 23 de setembro, às 20h30, na Arena do JEC. No duelo, válido pela 27ª rodada da Série B, o jovem formado nas categorias de base do Leão terá a chance de fazer o mesmo que fez contra o Bragantino: gol. 

- Minha primeira obrigação é defender, mas quando há oportunidade de aparecer no ataque, é muito bom. Fico muito feliz por marcar, mas minha maior alegria é sempre ver o Avaí vencendo e subindo na tabela - finalizou.